Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Riscas, o gatinho amarelo

O Riscas chegou à nossa casa a 08-12-2012, fruto de um pedido que o PP (menino que ia fazer 7 anos - na altura) fez aos pais. É uma aventura ter um gato num apartamento. Queremos que o Riscas seja saudável e feliz!

Riscas, o gatinho amarelo

O Riscas chegou à nossa casa a 08-12-2012, fruto de um pedido que o PP (menino que ia fazer 7 anos - na altura) fez aos pais. É uma aventura ter um gato num apartamento. Queremos que o Riscas seja saudável e feliz!

Lá fora "tá-se" pior

Pela manhã, andavam uns jardineiros a cortar da relva na nossa urbanização. O Riscas estava de pé, e de orelhas em pé,  junto á janela que dá para a varanda. Abri-lhe a porta ele deu uns passitos, olhou para mim, como quem diz "vou lá ver?" Saiu timidamente, e voltou logo de seguida. Ou seja: ele teve curiosidade de ir ver o que se passava, mas depois não quis ficar lá a ouvir aquele barulho e preferiu ficar em casa, certamente porque não se sentia seguro lá fora!

jardinagem010.jpg

jardinagem002.jpg

jardinagem03.jpg

Provérbios sobre gatos

Existem muitos provérbios sobre gatos, uns concordo, outros não. Reparem neste, ou nestes, porque são dois, mas idênticos:

 

"A língua do cão é benta e a do gato sebenta” ou “baba de cão come-se com pão; baba de gato não chegar ao prato”

Os cães metem a boca em tudo quando andam a explorar o seu mundo, metem a boca até em fezes, e levam imensas bactérias para casa. Por isso, acho que o cão , neste aspecto, é igual ou pior que o gato. Por isso, este provérbio parece estar a injustiçar os gatos!

MITOPROVERBIO.JPG 

Cerca de três meses sem otites

ouvidolimpinho.jpg

Já nem sei quantas vezes aqui falei das otites crónicas do Riscas. A veterinária disse que as otites nunca iriam passar, e que eu teria, de pelo menos uma vez por semana, fazer uma limpeza aos ouvidos do Riscas. No entanto, desde julho que o Riscas deixou de ter otites, tem tudo completamente limpinho. A veterinária disse que possivelmente foi da mudança da ração.

Seja como for o que interessa é que passaram!

Pág. 1/2