Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Riscas, o gatinho amarelo

O Riscas chegou à nossa casa a 08-12-2012, fruto de um pedido que o PP (menino que ia fazer 7 anos - na altura) fez aos pais. É uma aventura ter um gato num apartamento. Queremos que o Riscas seja saudável e feliz!

Riscas, o gatinho amarelo

O Riscas chegou à nossa casa a 08-12-2012, fruto de um pedido que o PP (menino que ia fazer 7 anos - na altura) fez aos pais. É uma aventura ter um gato num apartamento. Queremos que o Riscas seja saudável e feliz!


Se não me encontrarem por aqui, é porque estou ali ao lado

Vida de gato mimado não é só maravilhas

Por vezes desanimo. Estive tanto tempo sem ter um animal doméstico. Aliás, em minha casa é o primeiro, antes eram dos meus pais e meus.Quando o Riscas chegou á nossa vida ficamos todos a gostar imenso dele. O Riscas é um gatinho amigo, meiguinho, lá tem os seus devaneios próprios da sua personalidade, mas é muito amado. Eu gostava que ele estivesse connosco por muitos e muitos anos, feliz  e saudável!

Mas infelizmente, o Riscas está sempre a ter problemazinhos, primeiro foram as otites, que acabamos por conseguir contornar. No entanto, desde setembro, o menino começou a perder pelo na barriga. Mudei-lhe a areia, comprei o medicamento sugerido pela veterinária, o cortavance, mas nada de resultados positivos. Agora até estamos à espera para lhe dar uma ração hipoalergénica.

Ontem vi que a barriguinha dele tinha uma pequena manchinha avermelhada, certamente de se coçar ou lamber. E esta nova situação deixou-me mesmo desanimada. Quem me dera poder levar o Riscas a uma clínica veterinária, com várias especialidades,  há uma em Oeiras. Mas, o meu modesto orçamento não me permite concretizar tal desejo.

mancha.JPG

Tenho feito tudo o que me é possivel...

doi-doi.JPG

 

Tag 7 coisas

Tag7Coisas.jpg

Desafiada pela autora do blog Sou Mais Eu, demorei um pouco, mas cá está.

 

7 Coisas para fazer antes de morrer

  1. Aprender a falar inglês.
  2. Ter um negócio meu .
  3. Ser avó, levar os netos à escola, ir ao casamento deles.
  4. Fazer um cruzeiro.
  5. Ter uma casa na praia e outra onde neve.
  6. Conhecer mais de Portugal.
  7. Viver sem ter de estar sempre a contar os “tostões”!

 

7 Coisas que mais digo

  1. Pára Pedro, Pedro pára! (para o meu filho)
  2. Haja paciência!
  3. A sério!?
  4. Não acredito!
  5. Vai dar banho ao gato que o cão já tomou! 
  6. Olha á linguajem…
  7. Isso é que era bom!

 

7 Coisas que faço bem

  1. Cuidar do gato
  2. Jogar a jogos com o rapaz
  3. Ser paciente
  4. Photoshop com fotografias.
  5. Gastar dinheiro, adoro quando o posso fazer!
  6. Sou atenta…
  7. Comer, sou um bom garfo.

 

7 Coisas que não faço bem

  1. Dançar!
  2. Arranjar unhas!
  3. Cozinhar... 
  4. Contas, gasto sempre mais do que devo!
  5. Maquilhagem, não tenho jeito nenhum, mas gostava de saber!
  6. Passar a ferro, vincos em camisas chego a fazer 3.
  7. Discursar.

 

 7 Coisas que me encantam

  1. O sorriso do meu filho.
  2. O cheiro de terra molhada deixado pela chuva.
  3. O cheiro dos lírios do campo em abril.
  4. Quando o meu gato dorme ao meu colo .
  5. Ver o por do sol no mar.
  6. Ver flocos de neve cair.
  7. Não ter hora para acordar.

 

7 Coisas que eu amo

  1. Doces
  2. Gelados, crepes
  3. Viajar
  4. Passar férias!
  5. Escrever.
  6. Passear...
  7. Ver televisão

 

7 Coisas que eu não gosto

     1. Pessoas arrogantes, prepotentes, ingratas, com falta de humildade…

        que façam   de nós criados... pessoas mal formadas. 

  1. Acordar cedo!
  2. Que me escondam coisas.
  3. Falsidade.
  4. Que não sejam sinceros comigo!
  5. Maus tratos a animais... 
  6. Peixeiradas!

 

7 blogs que eu indico , e peço desculpa se já o tiverem feito, eu demorei tanto, que é o mais provavel...

1. Velho Gato Sábio

2. De Repente Já Nos 40

3. A senhora do gatinho

4. Gatomínia

5. A rapariga com um sonhor ser

6. http://nemseisequeroum.blogs.sapo.pt

7.I love Cats

A curiosidade matou o gato

O provérbio "a curiosidade matou o gato" tem como objetivo alertar as pessoas para os  riscos resultantes da curiosidade extrema.

Este provérbio veio da idade média, tempo em que as pessoas não gostavam de gatos e criavam armadilhas para capturá-los. Os gatos, por serem animais curiosos por natureza, acabavam por cair nas armadilhas e morrer.

O Riscas também é muito curioso e também já quase morreu no episódio em que andou no secador da roupa.

Mas a curiosidade está na genética dele, bastou deixar a minha mala aberta para ele investigar …

curiosidade.JPG

curiosidade01.JPG